Publicidade

Estado de Minas

Itália tem primeiro morto por novo coronavírus


postado em 21/02/2020 22:07

Um italiano de 78 anos que teve exame positivo para o novo coronavírus faleceu, anunciou nesta sexta-feira (21) o ministro da Saúde italiano, no que constitui a primeira morte por pneumonia viral na Itália.

O homem estava internado há dez dias no Vêneto, no norte da Itália, com uma doença não relacionada com o coronavírus, informou o ministro, Roberto Speranza.

O anúncio ocorre após o fechamento de todos os espaços públicos e o cancelamento dos eventos esportivos e religiosos na Lombardia, outra região do norte da Itália, devido à multiplicação dos casos de contágio.

Adriano Trevisan foi uma das duas pessoas infectadas no Veneto, enquanto cinco médicos e outras dez pessoas são portadoras do novo coronavírus na Lombardia.

Aparentemente, eles frequentavam o mesmo bar e grupo de amigos. A decisão de fechar espaços públicos e cancelar esportes e eventos religiosos em 11 cidades foi tomada depois que um primeiro surto da doença foi identificado em Codogno, perto de Lodi.

Nesta área, localizada a cerca de 60 km a sudeste de Milão, mais de 50.000 pessoas foram colocadas em semi-confinamento em suas casas.

O chefe do governo italiano, Giuseppe Conte, disse na sexta-feira a partir de Bruxelas que "tudo está sob controle" e enfatizou que o governo mantém um "nível muito alto de proteção".

A epidemia já causou mais de 2.200 mortes e infectou mais de 75.000 pessoas na China continental e mais de 1.100 em outras partes do mundo.


Publicidade