Publicidade

Estado de Minas

Ex-astro do basquete Kobe Bryant morre em acidente de helicóptero


postado em 26/01/2020 20:31

A NBA e o mundo do esporte estão em choque: a lenda do basquete Kobe Bryant, um dos maiores campeões da história do esporte e lenda do Los Angeles Lakers, faleceu aos 41 anos neste domingo vítima de um acidente de helicóptero, segundo informações do site de notícias TMZ, confirmadas à AFP pelas autoridades locais. Sua filha também estava na aeronave e morreu.

Cinco vezes campão da NBA com os Lakers e duas vezes medalhista olímpico, Bryant morreu na manhã de domingo no acidente de helicóptero do ex-altleta nas colinas perto de Calabasas, no sul da Califórnia.

O ex-astro da NBA, de 41 anos, pai de quatro filhas, estava com outras oito pessoas a bordo do helicóptero privado, que caiu e pegou fogo. Uma delas era a filha do atleta, Gianna, de 13 anos, confirmou o prefeito de Los Angeles, Eric Garcetti.

Informações iniciais confirmadas por autoridades locais e pelo portal TMZ, primeiro a informar do acidente, davam conta de cinco mortos no acidente de helicóptero, que caiu após voar em condições de neblina no noroeste de Los Angeles.

Ninguém sobreviveu ao acidente, e suas causas ainda não são conhecidas.

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou no Twitter que a morte de Bryant "é uma notícia terrível". O ex-mandatário Barack Obama, também lamentou na rede social: "Kobe era uma lenda nas quadras e estava só começando o que teria sido um segundo ato são significativo quanto (o primeiro)".

O acidente aconteceu poucas horas depois da ex-estrela do Los Angeles Lakers, de 41 anos, felicitar nas redes sociais o atual astro da equipe californiana LeBron James por tê-lo ultrapassado e assumido o terceiro lugar na lista de maiores pontuadores da história da NBA, no sábado durante uma partida contra o Philadelphia 76ers.

O helicóptero foi identificado como um Sikorsky S-76, explicou o porta-voz da Administração Federal de Aviação, Allen Kenitzer.

- Luto global -

Kobe Bean Bryant nasceu em 23 de agosto de 1978 na Filadélfia (Pensilvânia) e era o caçula dos três filhos - e único homem - do casamento de Joe Bryant e Pamela Cox.

Bryant foi cinco vezes campeão da NBA em uma corrida que começou em 1996 e durou 20 anos, até sua aposentadoria em 2016.

Ele também foi duas vezes medalhista de ouro olímpico, ajudando o 'Dream Team' americano a alcançar os títulos de Pequim-2008 e Londres-2012.

O TMZ informou que a mulher de Bryant, Vanessa, não estava entre as vítimas do acidente.

Os primeiros relatos da morte de Bryant provocaram ondas de choque em todo o mundo, com estrelas e celebridades que expressaram sua descrença com as notícias.

"Estou impressionado", escreveu Scottie Pippen, estrela do Hall da Fama da NBA. "Não há palavras que cheguem perto de descrever. Apenas um dia incrivelmente triste e trágico".

A apresentadora de TV Ellen DeGeneres lamentou: "Como todo mundo, estou surpresa e triste com as notícias sobre Kobe Bryant. Meu coração está partido por sua esposa e família".

No Staples Center, casa dos Lakers, no centro de Los Angeles, centenas de fãs chocados se reuniram para prestar homenagem à estrela do basquete.

- Cesta no Oscar -

O legado de Kobe vai além dos cinco anos como campeão, as 18 vezes em que foi escolhido para o Jogos das Estrelas, 11 delas consecutivas, de seus 30 recordes para a franquia da NBA e muitas outras marcas que lhe elevam a um escalão reservado apenas para as lendas deste esporte.

Sua atuação ficou marcada pelas jogas incríveis e o sangue frio para definir uma partida com um arremesso vencedor, que lhe rendeu o apelido "Mamba Negra".

Em 2018, Kobe ainda ganhou o Oscar de melhor curta-metragem de animação por "Querido basquete". O filme é uma homenagem ao esporte que tornou-o um ídolo.

"Querido basquete, a partir do momento em que comecei a enrolar as meias do meu pai e a fazer arremessos imaginários para ganhar jogos no Great Western Forum, sabia que algo era real: me apaixonei por você ...", o texto começa com um ilustração como desenho a lápis.

"Foi o arremesso mais sortudo que já fiz. De longe", explicou ele com um sorriso e segurando a preciosa estatueta.


Publicidade