Publicidade

Estado de Minas

Enviado da ONU defende fim de ingerência estrangeira na Líbia


postado em 18/01/2020 08:43

Os atores internacionais devem parar de interferir no conflito líbio - disse o enviado especial da ONU à AFP, neste sábado (18), na véspera da cúpula internacional sobre o país que acontece em Berlim.

"Toda interferência estrangeira pode ter o efeito de uma aspirina no curto prazo, mas a Líbia precisa do fim de toda o interferência estrangeira. Este é um dos objetivos desta conferência", disse Ghassan Salamé em entrevista prévia à reunião em Berlim.


Publicidade