Publicidade

Estado de Minas

EUA vai tirar da China rótulo de país que mais manipula sua moeda


postado em 13/01/2020 18:13

Os Estados Unidos vão retirar da China a acusação de manipular sua moeda para obter vantagens comerciais desleais, noticiaram nesta segunda-feira veículos de comunicação americanos.

A notícia chega a dois dias de os dois países assinarem em Washington seu primeiro acordo comercial após uma guerra alfandegária que dura quase dois anos.

O Departamento do Tesouro vai eliminar a designação da China como manipuladora da moeda, informou a rede CNBC com base em fontes não identificadas.

Em agosto, o presidente Donald Trump acusou Pequim de manipular arbitrariamente a taxa de câmbio "para roubar nossas empresas e fábricas".

Nesse mês, as autoridades chinesas deixaram o iuane cair abaixo dos 7 dólares pela primeira vez em uma década, o que deteriorou a competitividade americana, sacudiu os mercados e irritou Trump.

Embora a qualificação de "país manipulador de sua moeda" é antes de tudo simbólica, o Departamento do Tesouro se propôs trabalhar com o Fundo Monetário Internacional (FMI) para "eliminar as injustas vantagens competitivas" criadas pela China e a consultar Pequim sobre o tema.

O Gabinete do Representante Comercial dos Estados Unidos anunciou durante o fim de semana que para implementar o acordo sino-americano que será assinado na quarta-feira, ambas as partes ser reunirão semestralmente.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade