Publicidade

Estado de Minas

Ex-presidente da Renault-Nissan, brasileiro Carlos Ghosn está em Beirute


postado em 30/12/2019 20:13

O ex-presidente da Renault-Nissan, o brasileiro Carlos Ghosn, que estava em prisão domiciliar no Japão, onde devia ser julgado em 2020 por má conduta financeira, chegou no domingo ao Líbano, informaram à AFP nesta segunda-feira (30) fontes de segurança libanesa.

"(Carlos) Ghosn chegou no domingo ao aeroporto de Beirute", informou à AFP uma fonte de segurança, enquanto outra autoridade libanesa confirmou a informação, acrescentando "que a forma como deixou o Japão não está clara".

Nascido no Brasil, Ghosn tem ainda cidadanias francesa e libanesa.

Compartilhe no Facebook
*Apenas para assinantes do Estado de Minas

Publicidade