Publicidade

Estado de Minas

Ícone dos direitos civis nos EUA anuncia que tem câncer


postado em 30/12/2019 11:37

John Lewis, ícone do movimento pelos direitos civis nos Estados Unidos e representante democrata pelo estado da Geórgia no Congresso, anunciou que foi diagnosticado com um câncer avançado no pâncreas.

O líder negro, de 79 anos, afirmou em um comunicado que o diagnóstico foi obtido após exames médicos de rotina e que buscará tratamento sem abandonar suas tarefas como congressista.

"Eu estive em algum tipo de luta - por liberdade, igualdade, direitos humanos básicos - por quase toda a minha vida. Eu nunca enfrentei uma luta como a que eu tenho agora", disse.

Um crítico habitual do presidente Donald Trump, Lewis integrou um grupo de congressistas democratas que optou por não comparecer à cerimônia de posse do republicano em janeiro de 2017.

Lewis é conhecido por décadas de trabalho no movimento pelos direitos civis, iniciado por Martin Luther King Jr na década de 1960.

"Eu decidi fazer o que sei fazer e fazer o que sempre fiz: vou lutar e continuar lutando por minha amada comunidade", disse Lewis.

O congressista perderá algumas votações durante o tratamento, mas afirmou: "Com a graça de Deus voltarei à linha de frente em breve".

Lewis conquistou sua vaga no Congresso pela primeira vez em 1987, como representante de um distrito da Geórgia que inclui parte de Atlanta, capital do estado e sua principal cidade.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade