Publicidade

Estado de Minas INTERNACIONAL

Policial é atingido por flecha durante confronto em universidade de Hong Kong


postado em 17/11/2019 07:56

Um policial responsável por relações com a mídia foi atingido na panturrilha por uma flecha atirada por manifestantes em Hong Kong neste domingo, 17. O protesto aconteceu na Universidade Politécnica da cidade, último local a receber manifestações após uma semana marcada por confrontos em campi universitários.

Os protestos na Universidade começaram por volta das 10h e se estenderam até o período da tarde. A polícia local lançou bombas de gás lacrimogêneo e jatos de água contra os manifestantes, que jogaram tijolos e coquetéis molotov contra policiais. Além disso, alguns utilizaram equipamentos de arqueria da universidade para atirar flechas.

O serviço de Educação de Hong Kong informou que as escolas do território semiautônomo ficarão fechadas nesta segunda-feira. Na quinta-feira e na sexta-feira, não houve aulas. Várias universidades suspenderam aulas pelo restante do semestre.

Os protestos aconteceram um dia após soldados chineses fazerem uma rara aparição em Hong Kong. Eles deixaram os quartéis para desfazer bloqueios colocados por manifestantes em ruas e estradas. A China mantém tropas no local desde a entrega da ex-colônia inglesa, em 1997, mas elas só entram em ação em caso de pedido do governo local. Um porta-voz da administração afirmou que o ato de remover barreiras foi "puramente voluntário", e que o governo de Hong Kong não solicitou ajuda.


Publicidade