Publicidade

Estado de Minas

EUA denuncia detenção de jornalista no Egito


postado em 29/10/2019 20:37

David Schenker, o secretário de Estado assistente para o Oriente Médio, pediu ao Egito que liberte a blogueira e jornalista Esraa Abdel Fatah, classificando sua prisão de "ultrajante", informou nesta terça-feira o próprio funcionário ao Congresso americano.

Schenker disse ao Congresso que havia abordado o caso na semana passada com o embaixador do Egito em Washington.

"Eu a encontrei (Abdel Fatah) várias vezes. Acho ultrajante", disse Schenker sobre a prisão da blogueira.

"Isso é muito importante para o governo. Conversamos sobre isso", disse ele a um subcomitê de Relações Exteriores da Câmara dos Deputados.

Além disso, Schenker reiterou o pedido dos EUA ao Egito para que permita manifestações pacíficas, depois que as autoridades lançaram um ataque contra milhares de pessoas que haviam ignorado a proibição aos protestos, em um dos maiores desacatos contra o poder do presidente Abdel Fatah al Sissi.

Esraa Abdel Fatah, 41, ficou conhecida por criar uma página no Facebook em apoio a trabalhadores em greve, que acabaram dando impulso a um movimento político que ajudou a derrubar o longo regime autocrático de Hosni Mubarak em 2011.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade