Publicidade

Estado de Minas

Intensos combates entre forças curdas e turcas na Síria


postado em 11/10/2019 08:18

Intensos combates ocorrem nesta sexta-feira entre uma milícia curda e tropas turcas no nordeste da Síria, três dias depois que a Turquia lançou sua ofensiva em setores fronteiriços controlados pelas forças curdas, segundo uma ONG.

As Forças Democráticas Sírias (FDS) - uma coalizão de combatentes árabes e curdos - lutam para conter o avanço das forças turcas, que na quinta-feira conquistaram 11 aldeias, duas das quais recuperadas pelos curdos desde então, informou o Observatório Sírio de Direitos Humanos (OSDH).

Os combates estão concentrados em uma faixa de 120 quilômetros, ao longo da fronteira entre a Síria e a Turquia. "Há intensos combates entre as FDS e os turcos em várias frentes, principalmente em Tal Abyad e Ras al Ain", disse o OSDH.

"As FDS usam túneis, trincheiras e paredes" para se defender, segundo a ONG.

As cidades de Tal Abyad e Ras al Ain, das quais quase todos os habitantes fugiram, são as mais afetadas pela violência, confirmou um centro de imprensa afiliado às autoridades curdas locais.

Algumas tribos árabes se juntaram às fileiras turcas e realizaram ataques dentro das linhas curdas, ativando células adormecidas, segundo a mesma fonte.

O OSDH confirmou que dezenas de sírios árabes se juntaram às tropas turcas. A população das zonas de fronteira onde ocorre o conflito é principalmente árabe.

De acordo com um balanço de quinta-feira à noite do OSDH, 29 combatentes das FDS e 10 civis foram mortos nos ataques aéreos e disparos de artilharia turcos desde o início da ofensiva.

Ancara anunciou na sexta-feira a morte de um de seus soldados. Da mesma forma, seis civis, incluindo um bebê e uma menina, foram mortos por projéteis curdos lançados em cidades turcas, segundo a mesma fonte.


Publicidade