Publicidade

Estado de Minas

Uma semana de protestos deixa 5 mortos no Equador


postado em 10/10/2019 12:19

Cinco civis, incluindo um líder indígena, morreram em protestos que começaram em 2 de outubro no Equador contra os ajustes econômicos do governo, informou a Defensoria do Povo nesta quinta-feira.

"A primeira vítima é um homem que morreu após ser atingido no domingo na província de Azuay (sul). As outras quatro pessoas morreram em Quito", acrescentou uma fonte da agência de proteção aos direitos humanos.


Publicidade