Publicidade

Estado de Minas

Comunicado do Business Wire :Bioventus


postado em 09/10/2019 05:49

A Bioventus, líder global em soluções ortobiológicas, recebeu um aviso do Instituto Nacional de Saúde e Excelência Clínica (National Institute for Health and Clinical Excellence, NICE) do Reino Unido em relação à atualização de suas orientações (MTG12) sobre o uso do sistema EXOGEN de cicatrização óssea por ultrassom para tratamento de fraturas de ossos longos com posterior pseudoartrose. O EXOGEN utiliza pulsos de ultrassom de baixa intensidade (Low-Intensity Pulsed Ultrasound, LIPUS) para ajudar a estimular o processo natural de recuperação óssea do corpo e promover regeneração da fratura. 1Ele também tem uma taxa de recuperação de 86% para fraturas que não estão cicatrizando por conta própria 2 e proporciona uma recuperação 38% mais rápida de fraturas novas. 3,4

Este comunicado de imprensa inclui multimédia. Veja o comunicado completo aqui: https://www.businesswire.com/news/home/20191009005276/pt/

EXOGEN Ultrasound Bone Healing System from Bioventus (Photo: Business Wire)

O NICE revisou um grande número de evidências clínicas e com base nos resultados do seu Centro de avaliação externa (External Assessment Centre, EAC), manterá o uso recomendado específico do EXOGEN para o tratamento de fraturas de ossos longos com pseudoartrose, que o NICE define como fraturas que não cicatrizam após nove meses.

Além disso, o EAC revisou e atualizou os parâmetros de custo em sua modelagem de custos original, constatando que, embora o custo da cirurgia de revisão tenha aumentado em 25%, os custos relacionados ao uso de EXOGENpara tratar fraturas de ossos longos com pseudoartrose permanecem os mesmos desde a sua última revisão publicada em 2013. Isso resultou na duplicação da economia, alcançando £ 2.407,00 (anteriormente £ 1.164,00) por paciente, em comparação com o gerenciamento atual de cuidados, evitando a cirurgia.

"O EXOGEN tem sido uma alternativa comprovada para pacientes que buscam curar fraturas de ossos longos com pseudoartrose e evitar cirurgias há muitos anos", disse Tony Bihl, diretor executivo da Bioventus. "Essa orientação atualizada do NICE dá continuidade à recomendação anterior de uso e ressalta a economia obtida por pacientes que sofrem de pseudoartroses, que proporciona um alívio econômico significativo ao sistema de saúde no Reino Unido".

"O EXOGENtambém tem sido uma terapia adjuvante comprovada para fraturas tratadas cirurgicamente e tem muitos estudos de nível 1 que mostram seu efeito positivo na cicatrização das fraturas", afirmou Peter Shaw, bacharel em medicina e cirurgia, diplomado pelo Royal College of Obstetricians and Gynaecologists, diretor médico da Bioventus. "As evidências clínicas e econômicas atualizadas apresentadas nessa orientação alterada do MTG12 corroboram fortemente a decisão dos médicos de indicar EXOGENe, mais importante, fornecer resultados positivos para os pacientes".

Sobre a Bioventus

Uma empresa da área ortobiológica, a Bioventus fornece produtos de bom custo-benefício e clinicamente comprovados que ajudam pessoas a se recuperarem de forma rápida e segura. Sua missão é fazer a diferença ajudando pacientes a retomarem e desfrutarem de uma vida ativa. Estão entre os produtos ortobiológicos da Bioventus ofertas para osteoartrite e curas cirúrgicas e não cirúrgicas de problemas ósseos. Estabelecida com base no compromisso com padrões de alta qualidade, medicina baseada em evidências e um forte comportamento ético, a Bioventus é uma parceira confiável para médicos de todo o mundo. Para obter mais informações, acesse www.BioventusGlobal.com e siga a empresa no Twitter @Bioventusglobal.

Bioventus, o logotipo da Bioventus e EXOGEN são marcas comerciais registradas da Bioventus LLC.

O EXOGEN é indicado para o tratamento não invasivo de defeitos ósseos (excluindo vértebra e crânio), que inclui o tratamento de retardos de consolidação, pseudoatroses,* fraturas por tensão e fusão articular. O EXOGEN também é indicado para a aceleração do tempo de recuperação de fraturas recentes, reparo pós-osteotomia, reparo em procedimentos de transporte ósseo e reparo em procedimentos de distração osteogênica. Não existem contraindicações conhecidas para o uso do EXOGEN. A segurança e a eficácia não foram estabelecidas para indivíduos sem maturidade esquelética, gestantes ou lactantes, pacientes com marcapassos cardíacos, fraturas causadas por câncer ósseo ou pacientes com problemas de circulação sanguínea ou de coagulação. Alguns pacientes podem ser sensíveis ao gel do ultrassom. As informações completas de prescrição estão disponíveis no rótulo do produto em exogen.com ou ligando para o Atendimento ao cliente da Bioventus em 0800 05 16 384 (Reino Unido)/1800 552 197 (IR).

*Uma pseudoartrose é considerada existente quando o local da fratura não mostra sinais visíveis de recuperação.

1. Azuma Y, Ito M, Harada Y, Takagi H, Ohta T, Jingushi S. Low-intensity pulsed ultrasound accelerates rat femoral fracture healing by acting on the various cellular reactions in the fracture callus. J Bone Miner Res. 2001; 16(4):671-680.

2. Nolte PA, van der Krans A, Patka P, Janssen IM, Ryaby JP, Albers GH Low-intensity pulsed ultrasound in the treatment of non-unions. J Trauma. 2001; 51(4):693-703.

3. Heckman JD, Ryaby JP, McCabe J, Frey JJ, Kilcoyne RF Acceleration of tibial fracture-healing by non-invasive, low intensity pulsed ultrasound. J Bone Joint Surge [Am].1994; 76(1):26-34.

4. Kristiansen TK, Ryaby JP, McCabe J, Frey JJ, Roe LR Accelerated healing of distal radial fractures with the use of specific, low-intensity ultrasound. A multicenter, prospective, randomized, double-blind, placebo controlled study. J Bone Joint Surg [Am].1997; 79(7):961-973.

O texto no idioma original deste anúncio é a versão oficial autorizada. As traduções são fornecidas apenas como uma facilidade e devem se referir ao texto no idioma original, que é a única versão do texto que tem efeito legal.

Ver a versão original em businesswire.com: https://www.businesswire.com/news/home/20191009005276/pt/

Thomas Hill 919-474-6715 thomas.hill@bioventusglobal.com

© 2019 Business Wire, Inc. Aviso: Este documento não é de autoria da AFP e a AFP não pode se responsabilizar por seu conteúdo. Para esclarecer qualquer dúvida sobre o conteúdo, por favor, contate as pessoas/empresas indicadas neste comunicado de imprensa.


Publicidade