Publicidade

Estado de Minas

Presidente da Turquia ameaça realizar ataque na Síria caso não controle "zona de segurança"


postado em 31/08/2019 13:07

O presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, ameaçou neste sábado iniciar uma operação no nordeste da Síria se as tropas turcas não conseguirem controlar a "zona de segurança" que Ancara e Washington concordaram em criar nessa região.

"Não temos muito tempo ou paciência em relação a essa área. Se em poucas semanas nossos soldados não começarem a controlar efetivamente essa área, não haverá outra opção senão implementar nossos próprios planos operacionais", alertou Erdogan em discurso na Istambul.

O pacto firmado neste mês entre os Estados Unidos e a Turquia, após árduas negociações, procurou reduzir as tensões entre Ancara e as forças curdas apoiadas por Washington no nordeste da Síria.

Erdogan disse anteriormente que o presidente Trump prometeu que a "zona segura" seria de 32 quilômetros.

Neste momento, o centro de operações conjuntas já foi estabelecido e as patrulhas em parceria devem começar em breve.

Desde o ano passado, Erdogan tem ameaçado repetidamente lançar um ataque ao leste do rio Eufrates contra as mílicias curdas sírias das Unidades de Proteção Popular (YPG).


Publicidade