Publicidade

Estado de Minas

Índia: 1,9 milhão de pessoas excluídas do registro eleitoral no estado de Asam


postado em 31/08/2019 08:15

Um total de 1,9 milhão de pessoas foram excluídas do registro eleitoral do estado indiano de Asam, o que pode transformar estas pessoas em apátridas e, eventualmente, resultar em sua expulsão, anunciaram as autoridades locais.

O Registro Nacional de Cidadãos (NRC, na sigla em inglês) recebeu 31,1 milhões de inscrições de habitantes de Asam e 1,9 milhão, que podem ser em sua maioria muçulmanos, foram excluídos, informa um comunicado oficial.

O NRC, criado pelo governo nacionalista hindu do primeiro-ministro Narendra Modi para lutar contra a imigração ilegal, solicitou aos habitantes de Asam documentos para comprovar que são cidadãos indianos.

Para isto deveriam estabelecer que sua presença ou de sua família era anterior a 1971, ano em que se refugiaram em Asan milhões de pessoas procedentes de Bangladesh, que estava em sua guerra de independência.

A oposição acusa os nacionalistas hindus de utilizar o censo do NRC para atacar as minorias, particularmente os cidadãos muçulmanos.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade