Publicidade

Estado de Minas

Peso e bolsa argentinos caem mais 7% semana turbulenta


postado em 30/08/2019 19:43

O peso argentino teve queda de 7,05%, e a Bolsa de Buenos Aires, de 7,74%, ao fim de uma semana turbulenta, na qual o governo Argentina não conseguiu reconquistar a confiança dos mercados.

Na sexta, a moeda argentina desvalorizou 1,64%, fechando a semana com uma taxa de câmbio de 61,55 pesos por dólar.

em uma tentativa de moderar a queda da moeda, o Banco Central utilizou cerca de 300 milhões de dólares diariamente para intervir no mercado cambial, mas não conseguiu impedir a desvalorização.

Paralelamente, as classificadoras de risco reduziram a nota da dívida Argentina e temem que o país não consiga honrar seus compromissos.

Na semana, as reservas internacionais tinham caído 4,169 bilhões de dólares, ante os 58,267 bilhões de 23 de agosto.

O índice Merval da Bolsa de Buenos Aires fechou esta sexta-feira em 24.608,56, uma alta de 2,6% em relação à véspera, mas somando uma queda de 7,4% ao longo da semana.


Publicidade