Publicidade

Estado de Minas

Australiano preso na China por 'espionagem'


postado em 26/08/2019 23:40

O acadêmico australiano Yang Hengjun foi preso na China acusado de "espionagem", informou nesta terça-feira a ministra das Relações Exteriores da Austrália, Marise Payne.

Yang Hengjun já estava detido em Pequim, há vários meses, sem acusação formal, mas Payne revelou que o acadêmico foi oficialmente preso no dia 23 de agosto.

"Temos sérias preocupações com o estado de saúde do doutor Yang, e também sobre em que condições está detido", disse a ministra.

Yang, um ativista pró-democracia, foi detido em janeiro, logo após ter regressado dos Estados Unidos.

"Se o doutor Yang está preso por suas crenças políticas, deve ser libertado", declarou Payne. "Esperamos que se cumpram os padrões básicos de justiça e imparcialidade".

O silêncio da China sobre a situação de Yang e a negativa de acesso do pessoal do consulado australiano a seu cidadão têm sido motivo de atrito nas relações bilaterais nos últimos meses.


Publicidade