Publicidade

Estado de Minas

BM destina US$ 300 milhões para conter surto de ebola na RDC


postado em 24/07/2019 17:13

O Banco Mundial anunciou nesta quarta-feira (24) que destinou 300 milhões de dólares a mais para conter o surto de ebola na República Democrática do Congo (RDC).

As subvenções e créditos foram anunciados logo após a Organização Mundial da Saúde declarar o surto atual como uma emergência sanitária mundial, declarou o BM em um comunicado.

Os fundos se somam aos 100 milhões de dólares que a entidade destinou após o surgimento do ebola, em agosto de 2018.

"Juntos, devemos tomar ações urgentemente para frear a epidemia mortal de ebola que está destroçando vidas e meios de subsistência na RDC", disse a diretora do Banco Mundial, Kristalina Georgieva.

"As comunidades funcionários de saúde na linha de frente precisam de mais apoio e meios da comunidade internacional para prevenir que esta crise piore dentro do país e se expanda fora das fronteiras".

Desde agosto do ano passado, o vírus matou mais de 1.700 das 2.500 pessoas infectadas da RDC na segunda maior epidemia de ebola desde que mais de 11.300 morreram entre 2014 e 2016 na Libéria, Guiné e Serra Leoa.

A ajuda econômica se destinará às áreas do país afetadas pelo surto.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade