Publicidade

Estado de Minas

Suprema Corte examinará se Trump pode acabar com programa dos 'Dreamers'


postado em 28/06/2019 12:49

A Suprema Corte dos Estados Unidos decidiu nesta sexta-feira examinar se o presidente Donald Trump pode cancelar o programa DACA, que protege centenas de milhares de imigrantes que chegaram ilegalmente ao país quando crianças (os chamados "Dreamers") da deportação.

A mais alta corte dos Estados Unidos, com uma maioria conservadora, disse que concordou em abordar três decisões de primeira instância que bloquearam a iniciativa de Trump de encerrar o programa Ação Diferida para Chegadas na Infância (DACA), criado em 2012 por seu antecessor Barack Obama para proteger os jovens.

Trump anunciou em setembro de 2017 o cancelamento do DACA, que protege quase 700.000 "Dreamers" dos 1,8 milhão estimados no país.

Mas a rescisão foi contestada por vários tribunais federais, através do que o programa continua em vigor.

O governo Trump, que considera o DACA inconstitucional, pediu à Suprema Corte em novembro passado que decidisse sobre sua legalidade.

Mas, em janeiro, os juízes evitaram intervir na questão.

O Supremo Tribunal inicia seu recesso esta semana e irá retomar os trabalhos em outubro, e por isso a decisão sobre o DACA poderá ocorrer em plena corrida para as eleições presidenciais de 2020.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade