Publicidade

Estado de Minas

Candidato do poder declara vitória nas presidenciais na Mauritânia


postado em 23/06/2019 09:51

O candidato do poder, Mohamed Sheikh El Ghazuani, venceu o primeiro turno das eleições presidenciais realizado no sábado na Mauritânia, segundo um comunicado feito neste domingo ante o atual presidente, Mohamed Uld Abdel Aziz, de acordo com jornalistas locais.

Ghazuani fez esta declaração ante um grupo de apoiadores com base em 80% dos votos apurados.

Ghazuani ganhou 50,56% dos votos apurados, ficando à frente de Sidi Mohamed Ould Boubacar Ould Dah Ould Abeid e Biram, ambos com cerca de 18%, de acordo com a comissão eleitoral nacional (CENI).

Nenhum dos cinco rivais Ghazuani reagiu ao seu anúncio de vitória, mas quatro deles, incluindo Ould Boubacar Ould Abeid, denunciou irregularidades na votação, incluindo a expulsão de seus inspetores em algumas seções eleitorais.

No entanto, a CENI disse que não havia detectado nenhum incidente significativo.

Cerca de 1,5 milhão de eleitores foram convocados para eleger o sucessor do presidente Mohamed Uld Abdel Aziz, que após dois mandatos não poderia mais ser candidato.

As eleições presidenciais marcam a primeira transição entre dois presidentes eleitos na Mauritânia, país que sofreu vários golpes entre 1978 e 2008, quando ocorreu o golpe de Estado de Mohamed Uld Abdel Aziz, então general.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade