Publicidade

Estado de Minas

STF criminaliza a homofobia


postado em 13/06/2019 20:55

O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu nesta quinta-feira por 8 votos contra 3 criminalizar a homofobia, um passo importante para as minorias sexuais num dos países com mais assassinatos de indivíduos LGBT do mundo.

O STF equiparou a homofobia ao delito de racismo, até que o Congresso -atualmente de maioria conservadora e sob forte influência de igrejas evangélicas- formule uma lei específica para punir esse tipo de discriminação.

"Todo preconceito é violência. Toda discriminação é causa de sofrimento. Mas eu aprendi que alguns preconceitos impõem mais sofrimentos que outros porque alguns são feridas curtidas em casa, na qua a discriminação castiga a pessoa desde o seu lar. Afasta pai de filho, irmãos, amigos, pela só circunstância de se experimentar viver o que se tem como sua essência e não cumpre o figurino sócio-político determinante e determinado", afirmou a juíza Cármen Lúcia ao votar a favor.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade