Publicidade

Estado de Minas

Suposto autor dos ataques em Christchurch se declara inocente


postado em 13/06/2019 19:43

O extremista australiano Brenton Tarrant, acusado de matar 51 pessoas em março passado em duas mesquitas de Christchurch, na Nova Zelândia, se declarou inocente, informou seu advogado.

Em uma transmissão audiovisual a partir da prisão de segurança máxima de Auckland para o tribunal de Christchurch, o advogado Shane Tait afirmou que seu cliente se declara "inocente de todas as acusações".

Durante a transmissão, Tarrant ficou sentado em silêncio ao lado do advogado.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade