Publicidade

Estado de Minas INTERNACIONAL

Biden muda de opinião e diz que não apoia mais limite de verbas para aborto


postado em 08/06/2019 05:00

O ex-vice-presidente dos EUA Joe Biden, que lidera a disputa pela indicação democrata para a eleição presidencial de 2020, anunciou que não é mais contrário ao uso de verbas federais para financiar abortos.

Biden apoiou durante décadas um projeto de lei sobre o tema, a Emenda Hyde, de 1976. A medida limita estritamente a casos de estupro, incesto ou risco de vida da mãe o uso de verbas federais para financiar abortos pelo sistema de seguro de saúde público Medicaid. Na quinta-feira, Biden, um católico de 76 anos, anunciou que mudou de opinião e não apoiava mais a emenda. (Com agências internacionais)



As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade