Publicidade

Estado de Minas

Grupo de Lima analisará na Guatemala crise da Venezuela


postado em 28/05/2019 16:55

Os chanceleres do Grupo de Lima, que reúne países latino-americanos e Canadá, se reunirão em 6 de junho na Guatemala para discutir a crise política na Venezuela, informou nesta terça-feira o país centro-americano.

A porta-voz da chancelaria guatemalteca, Marta Larra, disse a jornalistas que a nova data foi fixada depois que o grupo adiou a data programada originalmente para 20 de maio.

Larra informou que a decisão foi tomada porque os ministros do grupo decidiram esperar os resultados da missão política que será realizada na Venezuela pelo Grupo Internacional de Contato (GIC), formado por países latino-americanos e europeus.

Nesta terça, a chefe da diplomacia europeia, Federica Mogherini, nomeou o ex-chanceler uruguaio Enrique Iglesias como seu assessor especial para a Venezuela, apoiando os esforços da União Europeia (UE) e do GCI.

O encontro na Guatemala foi programado diante de um agravamento da situação na Venezuela desde o começo de maio, após o fracassado motim de um grupo de militares em apoio do líder opositor Juan Guaidó, a quem o Grupo de Lima reconhece como presidente interino.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade