Publicidade

Estado de Minas

Holandês Duncan Laurence vence Eurovision


postado em 18/05/2019 21:15

O holandês Duncan Laurence ganhou neste domingo (horário local) a 64ª edição do Festival Eurovision, que aconteceu em Tel Aviv.

Favorito das apostas, Laurence, de 25, venceu com seu tema "Arcade", uma canção inspirada no desaparecimento de um ente querido. Foi a primeira vitória da Holanda em 44 anos.

A Itália ficou em segundo lugar, e a Rússia, em terceiro, de acordo com os resultados finais, que combinam votos dos jurados dos países participantes e dos telespectadores.

A entrega do prêmio pôs fim à cerimônia realizada nesta cidade da costa israelense, que contou com show de Madonna e polêmica.

Vários veículos da imprensa local destacaram a imagem de dois dos dançarinos de Madonna que avançam juntos no palco, com as bandeiras israelense e palestina nas costas, durante a apresentação da rainha do pop.

No evento, Madonna interpretou seu novo single, "Future", junto com a estrela americana do hip hop Quavo.

Ela pediu aos fãs que "nunca subestimem o poder da música para unir pessoas".

"Citando uma canção maravilhosa, a música faz as pessoas se unirem", acrescentou, referindo-se à "Music".

A diva americana, de 60 anos, iniciou sua apresentação com seu sucesso de 1989 "Like a Prayer", em um palco, cujo cenário recriava uma igreja com um coral.

Depois, Quavo, um dos membros do grupo de hip hop Migos, juntou-se a ela para cantar "Future", que está em seu próximo álbum de estúdio, "Madame X".

Os integrantes do grupo Hatari, representantes da Islândia, mostraram lenços com bandeiras palestinas durante o anúncio dos resultados.

Os organizadores do Eurovision, um concurso que acontece desde os anos 1950, destacam que o festival é um evento apolítico.

Israel foi escolhido automaticamente como país anfitrião da edição 2019 do Festival, depois da vitória, no ano passado de sua representante, a cantora Netta Barzilai. Ela abriu a festa deste sábado.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade