Publicidade

Estado de Minas

De Reagan a Zelensky, as celebridades que entraram para a política


postado em 21/04/2019 15:31

Antes do comediante Volodymyr Zelensky, eleito presidente da Ucrânia neste domingo (21), várias celebridades, de Ronald Reagan a George Weah, entraram para a política, chegando aos mais altos cargos.

- Atores e comediantes -

O americano Ronald Reagan foi a primeira estrela de cinema a se tornar presidente. Comentarista esportivo em uma rádio e, depois, ator de série B por mais de 20 anos, ele foi eleito governador da Califórnia em 1966 e assumiu a Presidência dos Estados Unidos em 1981 - com direito a dois mandatos.

Na esteira de Reagan, Arnold Schwarzenegger, ex-Mister Universo que se tornou estrela de Hollywood, elegeu-se governador da Califórnia em 2003. Natural da Áustria, o "governator" dirige por sete anos o Estado mais populoso e mais rico do país.

Nas Filipinas, Joseph Estrada, um comediante adorado entre os mais pobres, entra para a política em 1969 como prefeito, tornando-se senador e vice-presidente. Em 1998, chega ao Supremo Tribunal, mas será cassado do poder três anos depois por uma revolta popular, após acusações de corrupção.

Na Guatemala, o ator Jimmy Morales é eleito presidente em outubro de 2015, impulsionado por um movimento de insatisfação popular contra a corrupção e a classe política. Produtor de cinema e apresentador de televisão, ele se torna famoso em 2007, ao interpretar "Neto", um caubói ingênuo prestes a se tornar presidente.

Outro ator popular, o peruano Salvador del Solar assume o Ministério da Cultura em 2016 e se torna primeiro-ministro em março de 2019.

- Show business e reality show -

O magnata italiano do setor de Mídia Silvio Berlusconi, conhecido por exibir mulheres seminuas em seus programas de televisão, ocupou três vezes o cargo de presidente do Conselho, entre 1994 e 2011. Apesar dos recorrentes problemas com a Justiça, o "Cavaliere" terá dirigido a direita italiana por 25 anos.

Em janeiro de 2017, Donald Trump, um empresário do setor imobiliário, chega à Casa Branca, sob os olhares incrédulos do mundo inteiro. Ex-proprietário dos concursos de Miss Universo, o 45º presidente dos Estados Unidos, sem qualquer experiência política, deve sua notoriedade, sobretudo, ao reality show "O aprendiz". Ele produziu e apresentou o programa entre 2004 e 2015.

- Música -

Renomado pianista em seu país, Vytautas Landsbergis é eleito presidente da Lituânia em 1990. Ele havia entrado na política dois anos antes, cofundando o Sajudis, movimento nacionalista que iria levar a primeira república soviética à secessão.

Michel Martelly, popular cantor haitiano conhecido como "Sweet Micky", presidiu o país de 2011 a 2016.

- Esportes -

Ex-esgrimista e campeão olímpico (1968 e 1972), em 2010, Pal Schmitt se torna o quarto presidente da Hungria democrática. Ele será forçado a deixar o governo dois anos depois, porém, após um escândalo de plágio em sua tese de doutorado.

Criança da periferia da Monróvia que se tornou estrela mundial do futebol nos anos 1990, George Weah é eleito presidente da Libéria em dezembro de 2017. Único africano a ser agraciado com a Bola de Ouro, ele entrou na política no fim da Guerra Civil (1989-2003) e começou seu primeiro mandato em dezembro de 2014, tornando-se senador.

Em agosto de 2018, o ex-campeão Imran Khan, idolatrado por milhões de paquistaneses por ter levado a seleção nacional de críquete à sua única vitória em uma Copa do Mundo, em 1992, assume o governo.

Já o ex-campeão de boxe na categoria peso-peado, o ditador ugandense Idi Amin Dada chega ao poder por um golpe de Estado, em 1971.

Outras personalidades também fizeram carreira política e literária. Por ocasião da independência de seu país, em 1960, por exemplo, Leopold Sedar Senghor se torna presidente do Senegal, enquanto Vaclav Havel ganha, em 1989, a primeira eleição presidencial da Tchecoslováquia pós-comunista.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade