Publicidade

Estado de Minas

Israel bloqueia US$ 138 mi da Autoridade Palestina por pagamentos a prisioneiros


postado em 17/02/2019 14:23

O gabinete de Segurança de Israel decidiu, neste domingo (17), reter 138 milhões de dólares em transferências de impostos à Autoridade Palestina por conta de seus pagamentos aos prisioneiros detidos por ataques contra israelenses, assinalou em um comunicado.

Neste, o gabinete do primeiro-ministro, Benjamin Netanyahu, indicou que o montante é igual ao pagamento pela Autoridade Palestina no ano passado a "terroristas presos em Israel, a suas famílias e aos prisioneiros libertados".

Acrescentou que "é por isso que Israel decidiu congelar esta quantia paga por conceito de impostos" sobre os produtos palestinos importados.

Israel alega que os pagamentos estimulam ainda mais violência.


Publicidade