Publicidade

Estado de Minas

MP pede multa de EUR 3,7 bilhões de UBS por evasão fiscal


postado em 08/11/2018 18:07

O Ministério Público francês para casos financeiros pediu, nesta quinta-feira, uma multa de 3,7 bilhões de euros contra a gigante bancário suíça UBS AG, acusada de ter atraído "com plena consciência" milionários franceses para abrir contas na entidade, sem declará-las à receita.

"A fraude fiscal não é outra coisa além de um roubo", garantiu o procurador Eric Russo durante o julgamento, o primeiro desta dimensão já realizado na França.

Por isso, os bancos infratores "merecem ser processados e sancionados à altura do prejuízo" sofrido.

Para a acusação, "UBS AG e seus dirigentes sabiam perfeitamente que estavam violando a lei francesa" ao atrair esses milionários em recepções, competições esportivas ou partidas de caça.

O MP justificou a multa requerida a partir do cálculo dos bens franceses que tinham sido desativados para a Suíça, na ordem de "3,7 milhões a 23 bilhões de euros, segundo avaliações distintas".

Os 3,7 bilhões de euros correspondem aos montantes pagos pelos clientes franceses da UBS até agora.

Outros 15 milhões de euros são reivindicados à filial francesa, UBS France, acusada de cumplicidade e lavagem de dinheiro agravada.

Além disso, o MP reclama penas de seis meses a dois anos de prisão seis funcionários de alto escalão do banco na França e na Suíça.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade