Publicidade

Estado de Minas

Mudança necessária para EUA 'não virá de uma só eleição', diz Obama


postado em 07/11/2018 17:11

O ex-presidente americano Barack Obama demonstrou nesta quarta-feira (7) estar orgulhoso com o avanço do Partido Democrata nas eleições de meio de mandato, mas advertiu que a reconquista da Câmara de Representantes no Congresso é somente o começo da mudança que considera necessária no país.

"Nosso trabalho continua", disse Barack Obama em um comunicado. "A mudança que precisamos não virá de uma só eleição, mas é um começo. Nessa noite, os eleitores de todo o país a começaram".

Apesar da vitória democrata na câmara, os republicanos aumentaram sua maioria no Senado em uma eleição que revelou um país muito dividido.

"Tenho a esperança de que no futuro voltaremos aos valores que esperamos em nossa vida pública: honestidade, decência, compromisso e a defendermos uns aos outros como americanos, sem que nossas diferenças nos separem, unidos por crenças comuns", acrescentou Obama.

Apesar de estar afastado da política desde que deixou a Casa Branca, o ex-presidente democrata esteve muito envolvido na campanha.

Obama enfatizou o modo como a vitória foi assegurada: "Concorrendo em lugares que não haviam sido competitivos há muito tempo e elegendo um número recorde de mulheres e jovens veteranos de Iraque e Afeganistão", junto com uma onda de candidatos representantes de minorias e jovens líderes de destaque.

O ex-presidente também celebrou a participação de um número "recorde" de eleitores, e do que chamou de "fortalecimento do direito ao voto", como no caso da inclusão de um milhão e meio de ex-prisioneiros que cumpriram condenação na Flórida.

"Quanto mais americanos votarem, mais os nossos líderes eleitos representarão os Estados Unidos", disse.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade