Publicidade

Estado de Minas INTERNACIONAL

Democratas têm vantagem em pesquisa sobre controle do Congresso dos EUA


postado em 04/11/2018 20:07

O Partido Democrata tem uma vantagem de 7 pontos porcentuais na questão sobre qual partido deve controlar o Congresso dos Estados Unidos na próxima legislatura, de acordo com pesquisa do Wall Street Journal e NBC News divulgada neste domingo.

A nova pesquisa, a última feita antes das eleições de terça-feira, mostrou o quanto a eleição tem girado em torno da figura do presidente Donald Trump. Quase três quartos dos eleitores afirmam que seu voto é um sinal de apoio ou oposição ao presidente.

A competição está se tornando mais apertada, segundo as pesquisas, com boas notícias e más notícias para ambos os lados. Democratas continuam liderando com amplas margens entre mulheres, mas a liderança deles entre eleitores independentes tem diminuído nas últimas semanas. Republicanos ganharam espaço em meio à satisfação dos eleitores com a economia.

Trump tem feito campanha pelos republicanos em vários pontos do país, pedindo a seus apoiadores que encarem as eleições do legislativo como um referendo sobre sua presidência. A pesquisa concluiu que muitos dos críticos do governo enxergam da mesma forma. Cerca de 40% dos eleitores disseram que seu voto será um sinal de oposição ao presidente. Outros 32% afirmam que será um sinal de apoio a ele. Apenas 28% dos consultados afirmam que seu voto não tem relação com Trump.

Cerca de 50% dos eleitores esperam que os democratas liderem o congresso, contra 43% que optam pelos republicanos. Essa vantagem de sete pontos é menor do que os 9 pontos da pesquisa realizada em meados de outubro.

Essa vantagem dos democratas na pesquisa nacional deve ser interpretada com cuidado porque distritos em vários Estados tem caminhado para uma vantagem dos republicanos. A preferência pelos democratas é estreita em distritos que mais importam na batalha pelo Congresso.

Um fator que pesa contra os republicanos é a grande distância nas preferências quando o eleitorado é separado por gênero. Entre as mulheres, 55% preferem um Congresso de controle do Partido Democrata. Já entre os homens, 50% preferem que o controle seja do Partido Republicano.

Ao menos sete a cada dez eleitores diz que está satisfeito com a economia, sendo que 74% afirma estar satisfeito com as sua própria situação econômica. Apesar disso, 59% afirmam que querem uma mudança na forma como Trump vem liderando o país enquanto um terço diz que não quer mudanças.

A aprovação do governo Trump permanece inalterada desde a pesquisa de outubro, com 46% dos eleitores avaliando positivamente o desempenho do presidente e 52% com avaliações negativas.

A pesquisa entrevistou 1 mil eleitores registrados e foi conduzida entre 1º e 3 de novembro. A margem de erro é de mais ou menos 3,1 pontos porcentuais entre eleitores registrados. Fonte: Dow Jones Newswires.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade