Publicidade

Estado de Minas

Lula multiplica recursos para salvar sua candidatura


postado em 05/09/2018 20:30

Os advogados do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva apresentaram nesta quarta-feira um recurso ao Supremo Tribunal Federal (STF) - o terceiro em 24 horas - contra a impugnação de sua candidatura à presidência nas eleições de 7 de outubro.

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) impugnou a candidatura de Lula, por 6 votos a 1, com base na "Lei da Ficha Limpa", que impede a participação de condenados em segunda instância.

Lula, 72 anos, cumpre desde abril pena de 12 anos e um mês de prisão por corrupção e lavagem de dinheiro.

Os advogados do ex-presidente pedem que o Supremo conceda uma medida cautelar para que Lula possa concorrer à presidência, com base na decisão do Comitê de Direitos Humanos da ONU, de 17 de agosto passado.

Os advogados também realizaram gestões junto ao Comitê da ONU para que reafirme sua posição sobre a candidatura de Lula.

Nenhum dos recursos apresentados tem prazo para ser julgado.

Segundo a decisão do TSE, o Partido dos Trabalhadores tem até 11 de setembro para anunciar o substituto de Lula, que provavelmente será seu companheiro de chapa e ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade