[an error occurred while processing this directive] Alerta de saúde em voo da Emirates que chegou a Nova York - Internacional - Estado de Minas
Publicidade

Estado de Minas

Alerta de saúde em voo da Emirates que chegou a Nova York


postado em 05/09/2018 13:48

Dez passageiros de um voo da Emirates procedente de Dubai tiveram que ser evacuados ao chegarem a Nova York, nesta quarta-feira (5), devido a problemas de saúde, informou a companhia aérea.

Em um tuíte, a companhia do Golfo disse que "cerca de 10 passageiros" do voo EK203 "foram atendidos em sua chegada pelas autoridades de saúde locais como medida de precaução", mas sem especificar que tipo de doença teriam.

As equipes médicas do aeroporto John F. Kennedy (JFK) examinaram os passageiros "um por um" para verificar possíveis sintomas e decidir se os deixariam desembarcar ou não, declarou Eric Phillips, porta-voz do prefeito de Nova York, Bill de Blasio.

Foram mais de 500 as pessoas submetidas à revisão médica dentro da aeronave, e os 10 afetados foram levados ao Hospital Jamaica da cidade.

Cerca de 250 passageiros puderam deixar o avião pouco depois das 11h30 locais (12h30 de Brasília), detalhou Phillips em um tuíte.

Segundo Phillips, o caso poderia se tratar de uma epidemia de gripe, já que algumas das 521 pessoas a bordo chegaram de Meca, onde atualmente a doença está no auge.

Sem usar o termo "quarentena", a agência da Autoridade Portuária, que administra os aeroportos de Nova York e Nova Jersey, confirmou que a aeronave havia sido conduzida para "longe do terminal" para que as equipes médicas dos Centros de Controle e Prevenção pudessem "avaliar e tratar a situação".

A emissora local ABC, que falava de dúzias de passageiros doentes, transmitiu imagens de uma série de veículos de emergência que estacionaram na pista perto do avião.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade