Publicidade

Estado de Minas

Trump incentiva boicote à Harley-Davidson

A decisão é uma tentativa de pressionar a fabricante de motocicletas a não cumprir a decisão de transferir parte de sua produção para a Europa


postado em 12/08/2018 16:18 / atualizado em 12/08/2018 16:43

Dirigentes da emblemática marca americana anunciaram que pretendem transferir para a Europa parte de sua produção(foto: AFP)
Dirigentes da emblemática marca americana anunciaram que pretendem transferir para a Europa parte de sua produção (foto: AFP)

O presidente americano, Donald Trump, incentivou neste domingo um boicote à fabricante de motocicletas Harley-Davidson caso a empresa cumpra a decisão de transferir parte de sua produção para a Europa.


Dirigentes da emblemática marca americana anunciaram no fim de junho que pretendem transferir para a Europa parte de sua produção destinada àquele mercado.


A decisão foi tomada para evitar o aumento das tarifas, que passaram de 6% a 31% para os produtos da marca que entrarem em solo europeu em represália às taxas alfandegárias fixadas por Washington sobre as importações de aço e alumínio.


"Vários proprietários de motos Harley-Davidson prevêem um boicote à empresa se a produção partir para o exterior. Excelente!", tuitou Trump, acrescentando que a marca "tomou uma decisão muito ruim".


A Europa é o segundo maior mercado da Harley-Davidson, atrás dos Estados Unidos.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade