Publicidade

Estado de Minas

Coreia do Norte limita visitas de grupos turísticos chineses


postado em 11/08/2018 10:00

Pyongyang suspenderá as visitas turísticas de grupos chineses à Coreia do Norte antes da celebração de um importante evento em setembro - informou a imprensa local neste sábado (11).

A agência norte-coreana de viagens internacionais explicou a uma agência de turismo chinesa que os hotéis em Pyongyang estariam fechados para reformas durante 20 dias, a partir de sábado.

Outra agência de viagens norte-coreana anunciou a seu parceiro chinês que, por uma "decisão estatal" não especificada, ficariam sem receber grupos de turistas chineses até 5 de setembro, segundo a mesma fonte.

Em outras ocasiões, as autoridades norte-coreanas restringiram o acesso a turistas estrangeiros, enquanto o país se preparava para acontecimentos especiais, dando diferentes justificativas, informou a agência Yonhap.

Essas medidas surgem no momento em que a Coreia do Norte se prepara para comemorar o 70º aniversário da fundação do governo.

Graças, em parte, ao recente degelo nas relações diplomáticas, o número de turistas chineses que visitam a Coreia do Norte cresceu rapidamente.

Hoje, entre 1.000 e 2.000 turistas visitam por dia alguns dos lugares mais conhecidos do país, como a parte norte da zona desmilitarizada, de acordo com o site NK News.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade