Publicidade

Estado de Minas

Comunicado do Business Wire :Moody's Corporation Investor Relations


postado em 07/08/2018 13:00

A Moody's Corporation (NYSE: MCO) anunciou hoje que chegou a um acordo definitivo para adquirir a Omega Performance, fornecedora líder de formação on-line em crédito.

Fundada em 1976 e com sede em Arlington (EUA), a Omega Performance é uma unidade de negócios da TwentyEighty Inc. Ela oferece uma série de cursos de formação on-line para clientes no mundo todo e atende mais de 300 clientes, desde grandes bancos globais a instituições de crédito locais.

"A Omega Performance é amplamente reconhecida por seus recursos de formação em crédito, o que complementa as principais soluções de aprendizado do setor oferecidas pela Moody's Analytics", disse Ari Lehavi, diretor executivo de Soluções de Aprendizado da Moody's Analytics. "O acréscimo das ofertas da Omega reforça a Moody's Analytics como um padrão de mercado em proficiência em crédito para instituições financeiras no mundo inteiro, abrangendo todo o espectro de empréstimos para consumidores, pequenas empresas e grandes corporações."

O rico repositório de estudos de caso da Omega irá melhorar significativamente a conceituada plataforma de aprendizado on-line Credit Coach da Moody's Analytics, que capacita os profissionais financeiros a tomarem melhores decisões de empréstimo ao proporcionar uma experiência de aprendizado personalizada segundo as necessidades analíticas específicas de cada usuário. Usando algoritmos sofisticados que rastreiam o desempenho dos entrevistados enquanto estudam os cenários de negócios da vida real, o Credit Coach orienta cada aluno por meio de cursos específicos elaborados para corrigir as áreas de fraqueza indicadas. Com a incorporação dos estudos de caso e do conteúdo da Omega, o Credit Coach irá fornecer uma gama ainda mais ampla de cenários de risco e crédito para os atuais profissionais de empréstimo e investimento.

Tanto os clientes da Moody's quanto os da Omega irão se beneficiar muito das sinergias da organização combinada. Ao utilizar uma estrutura coerente em toda a instituição, os bancos podem capacitar de modo sistemático e eficiente sua equipe, certificar a proficiência da mesma e comparar o desempenho de indivíduos e unidades de negócios.

"Esta aquisição é um desenvolvimento importante para as instituições financeiras em busca de uma plataforma moderna e abrangente de aprendizado com uma certificação de crédito reconhecida a nível mundial para ajudar a elevar as práticas de empréstimo e gerenciamento de risco a fim de competir e navegar de modo mais eficiente em um mercado em rápida evolução. Os recursos combinados da Moody's Analytics e da Omega Performance oferecem uma solução econômica e de alto nível para esses desafios", disse Lehavi.

A aquisição deve ser concluída em 30 dias e não se espera que tenha um impacto significativo nos resultados financeiros da Moody's em 2018.

Para mais informações sobre as soluções de e-Learning da Moody's Analytics, acesse www.moodysanalytics.com/elearning-courses.

SOBRE A MOODY'S CORPORATION

A Moody's é um componente essencial dos mercados mundiais de capital, fornecendo qualificações de crédito, pesquisa, ferramentas e análise que contribuem para mercados financeiros mais integrados e transparentes. A Moody's Corporation (NYSE: MCO) é a empresa matriz da Moody's Investors Service, que fornece qualificações de crédito e pesquisa cobrindo instrumentos de dívida e títulos, sendo que a Moody's Analytics oferece software de vanguarda, serviços de consultoria, pesquisa de crédito, análise econômica e gestão de risco financeiro. A corporação, que registrou uma receita de US$ 4,2 bilhões em 2017, emprega cerca de 12.300 pessoas ao redor do mundo e mantém uma presença em 42 países. Mais informações em www.moodys.com.

Sobre a TwentyEighty

A TwentyEighty é um portfólio de algumas das mais respeitadas marcas de melhora do aprendizado, desenvolvimento e desempenho do setor, incluindo a Miller Heiman Group, VitalSmarts, AchieveForum, Strategy Execution & Omega Performance. www.twentyeighty.com

Disposições de "safe harbor" da Lei de Reforma de Litígios de Títulos Privados de 1995

Declarações prospectivas

Certas declarações contidas neste comunicado são declarações prospectivas e se baseiam em expectativas, planos e perspectivas futuras para os negócios e operações da Moody's que envolvem vários riscos e incertezas. As declarações prospectivas contidas neste comunicado são feitas a partir da data deste documento e a Moody's nega qualquer obrigação de complementar, atualizar ou revisar tais declarações daqui para frente, seja como resultado de desenvolvimentos subsequentes, expectativas alteradas ou de outro tipo. Em conexão com as disposições de "safe harbor" da Lei de Reforma de Litígios de Títulos Privados de 1995, a Moody's está identificando certos fatores que podem causar resultados reais diferentes, talvez materialmente, daqueles indicados por estas declarações prospectivas. Esses fatores, riscos e incertezas incluem, mas não estão limitados a, interrupções no mercado de crédito ou desaceleração econômica, o que poderia afetar o volume de dívida e outros títulos emitidos nos mercados de capitais domésticos e/ou globais; outros assuntos que poderiam afetar o volume de dívida e outros títulos emitidos nos mercados de capitais domésticos e/ou globais, incluindo regulação, problemas com a qualidade creditícia, mudanças nas taxas de juros e outras volatilidades nos mercados financeiros, como no caso do referendo do Reino Unido em que os cidadãos britânicos votaram pela saída da UE; o nível de atividade de fusões e aquisições nos EUA e no exterior; a eficácia incerta e possíveis consequências colaterais das ações dos EUA e de governos estrangeiros que afetam os mercados de crédito, o comércio internacional e a política econômica; preocupações no mercado que afetam nossa credibilidade ou que afetam a percepção do mercado quanto à integridade ou utilidade das classificações das agências de crédito independentes; a introdução de produtos ou tecnologias concorrentes por outras empresas; pressão de preços de concorrentes e/ou clientes; o nível de sucesso do desenvolvimento de novos produtos e a expansão global; o impacto da regulamentação como uma NRSRO, o potencial para novas leis e regulamentos estaduais e locais dos EUA, incluindo disposições da Lei de Reforma Financeira e regulamentações resultantes dessa lei; o potencial para uma maior concorrência e regulação na UE e em outras jurisdições estrangeiras; exposição a litígios relacionados com as nossas opiniões de qualificação, bem como quaisquer outros litígios, procedimentos governamentais e regulatórios, investigações e consultas às quais a Empresa possa estar sujeita de maneira periódica; disposições da legislação da Lei de Reforma Financeira que modificam as normas de defesa e regulamentos da UE que modificam as normas de responsabilidade aplicáveis às agências de qualificação de crédito de forma adversa às agências de qualificação de crédito; as disposições dos regulamentos da UE que impõem requisitos processuais e substantivos adicionais à fixação de preços dos serviços e à expansão das competências de supervisão para incluir as qualificações não pertencentes à UE utilizadas para fins regulamentares; a possível perda de funcionários-chave; falhas ou mau funcionamento de nossas operações e infraestrutura; quaisquer vulnerabilidades a ameaças cibernéticas ou outras preocupações de segurança cibernética; o resultado de qualquer revisão pelo controle das autoridades fiscais das iniciativas globais de planejamento tributário da Empresa; exposição a possíveis sanções criminais ou recursos civis se a Empresa não cumprir as leis e regulamentos estrangeiros e norte-americanos aplicáveis nas jurisdições em que a Empresa opera, incluindo leis de proteção de dados e privacidade, leis de sanções, leis anticorrupção e leis locais que proíbem pagamentos corruptos a funcionários do governo; o impacto de fusões, aquisições ou outras combinações de negócios e a capacidade da Empresa de integrar com sucesso os negócios adquiridos; a volatilidade cambial; o nível de fluxos de caixa futuros; os níveis de investimentos de capital; e um declínio na demanda por ferramentas de gerenciamento de risco de crédito pelas instituições financeiras. Outros fatores, riscos e incertezas relacionados com a nossa aquisição da Bureau van Dijk podem fazer com que nossos resultados reais sejam diferentes, talvez materialmente, daqueles indicados por estas declarações prospectivas, incluindo os riscos relacionados com a integração das operações, produtos e funcionários da Bureau van Dijk na Moody's e a possibilidade de que as sinergias antecipadas e outros benefícios da aquisição não sejam materializados nas quantidades previstas ou não sejam realizados dentro do prazo esperado; riscos de que a aquisição poderia ter um efeito adverso nos negócios da Bureau van Dijk ou de suas perspectivas, incluindo, sem limitação, as relações com fornecedores, revendedores ou clientes; reclamações feitas, de tempos em tempos, por fornecedores, revendedores ou clientes; mudanças nos mercados europeus ou globais que tenham um efeito adverso nos negócios da Bureau van Dijk. Esses fatores, riscos e incertezas, bem como outros riscos e incertezas que podem fazer com que os resultados reais da Moody's sejam substancialmente diferentes daqueles contemplados, expressos, projetados, previstos ou implícitos nas declarações prospectivas, estão descritos em maiores detalhes em "Fatores de Risco", na Parte I, Item 1A do relatório anual da Empresa no Formulário 10-K para o ano terminado em 31 de dezembro de 2017, e em outros registros feitos pela Empresa de maneira periódica com a SEC ou em materiais aqui incorporados ou no documento em questão. Os acionistas e investidores são advertidos de que a ocorrência de qualquer um desses fatores, riscos e incertezas pode fazer com que os resultados reais da Empresa sejam substancialmente diferentes daqueles contemplados, expressos, projetados, previstos ou implícitos nas declarações prospectivas, o que poderia ter um impacto material e efeito adverso nos negócios, resultados operacionais e situação financeira da Empresa. Novos fatores podem surgir de tempos em tempos, e não é possível para a Empresa prever novos fatores, nem a Empresa pode avaliar o efeito potencial de quaisquer novos fatores sobre o mesmo.

O texto no idioma original deste anúncio é a versão oficial autorizada. As traduções são fornecidas apenas como uma facilidade e devem se referir ao texto no idioma original, que é a única versão do texto que tem efeito legal.

Ver a versão original em businesswire.com: https://www.businesswire.com/news/home/20180807005633/pt/

Moody's Corporation Stephen Maire, 1 212-553-7424 Diretor global de Relações com Investidores e Comunicações stephen.maire@moodys.com ou Michael Adler, 1 212-553-4667 Vice-presidente sênior Comunicações Corporativas michael.adler@moodys.com

© 2018 Business Wire, Inc. Aviso: Este documento não é de autoria da AFP e a AFP não pode se responsabilizar por seu conteúdo. Para esclarecer qualquer dúvida sobre o conteúdo, por favor, contate as pessoas/empresas indicadas neste comunicado de imprensa.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade