Publicidade

Estado de Minas

Supostos guerrilheiros do ELN sequestram seis pessoas na Colômbia


postado em 03/08/2018 13:18

Seis pessoas, entre elas três policiais e um militar, foram sequestradas por supostos guerrilheiros do Exército de Libertação Nacional (ELN) em uma região de selva no noroeste do país.

Os quatro integrantes das forças públicas e dois civis se deslocavam em um bote no rio Arquía, departamento de Chocó, quando foram retidos por homens armados que usavam trajes das Forças Militares e que seriam membros do grupo guevarista, indicou a autoridade militar em um comunicado.

Na quarta-feira, o governo de Juan Manuel Santos finalizou seus diálogos de paz com a guerrilha do ELN sem conseguir um cessar-fogo nem a esperada paz completa.

Santos, que conseguiu um acordo de paz com as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc), agora transformadas em partido político, terá de deixar para o presidente eleito Iván Duque prosseguir com as negociações com o ELN.

Santos explicou que as duas partes em discussão tinham bem definido como iam conseguir uma nova trégua bilateral e temporária, mas que não foi possível pela ausência de uma aceitação de verificação internacional a cargo da ONU.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade