Publicidade

Estado de Minas

Apple se torna primeira empresa privada a valer US$ 1 trilhão na Bolsa


postado em 02/08/2018 14:42

O grupo americano Apple se tornou, nesta quinta-feira (2), a primeira empresa privada a alcançar 1 trilhão de dólares de capitalização na Bolsa de Nova York.

O valor foi alcançado quando, às 15h50 GMT (12h50 de Brasília), sua ação subiu a 207,05 dólares em Wall Street, antes de ter um leve recuo.

A estatal chinesa PetroChina tinha chegado rapidamente a essa cifra quando foi lançada na Bolsa em 2007, mas caiu em seguida.

A Apple deu sinais de sua solvência e prosperidade nessa semana ao anunciar um aumento de 17% em suas receitas no segundo trimestre graças aos smartphones iPhone 8 e iPhone X.

Como em outros sucessos do mercado - como quando o índice Dow Jones superou as 25.000 unidades pela primeira vez -, a valorização da Apple se relaciona com outros fatores além do universo financeiro.

"A marca de 1 trilhão de dólares é acima de tudo psicológica e envia ao mercado uma mensagem de magnitude e crescimento", disse Howard Silverblatt, analista da S&P; Dow Jones Indices.

Mas outros atores do mercados relativizam a importância do feito.

"É uma dessas coisas que não significa muito em si mesma... Mais que qualquer coisa, é uma prova da importância da Apple no mercado", disse Karl Haeling, da LBBW.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade