Publicidade

Estado de Minas

Agricultores franceses bloqueiam refinarias contra importação de óleo de palma


postado em 11/06/2018 08:30

Agricultores franceses bloqueavam nesta segunda-feira o acesso a 13 refinarias e depósitos de combustível em todo o país para protestar contra os planos de importação de óleo de palma para a produção de biocombustíveis.

"Temos entre 70 e 160 pessoas em 13 locais e um 14º será bloqueado a partir das 09H30", disse à AFP Christiane Lambert, presidente do principal sindicato agrícola francês, FNSEA.

Os agricultores se opõem aos planos da gigante da energia Total de importar até 300 mil toneladas por ano de óleo de palma, um produto acusado de causar desmatamento maciço principalmente no Sudeste Asiático.

Os produtores franceses de colza e girassol acusam os produtores estrangeiros de óleo de palma de não respeitar as regras que os produtores europeus devem cumprir.

"A França importa vários produtos que não respeitam as regras impostas aos agricultores franceses", denunciou à AFP Damien Greffon, diretor do sindicato de agricultores FRSEA na região de Paris.

"Acontece com a carne sul-americana, o vinho espanhol e o óleo de palma", acrescentou.

Os protestos dos agricultores começaram no domingo à noite e podem durar até três dias. O "diálogo foi quebrado" com o governo, disse Greffon.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade