Publicidade

Estado de Minas

Sósia de Kim Jong Un se prepara para cúpula com Trump


postado em 07/06/2018 14:42

Donald Trump e Kim Jong Un não são os únicos que se preparam para o encontro histórico em Singapura. Na próxima terça-feira também será um grande dia para um dos mais famosos sósias do líder norte-coreano.

Howard X - seu nome artístico - participará na próxima semana em uma cúpula alternativa à margem do encontro entre o presidente dos Estados Unidos e o líder norte-coreano.

O imitador, que mora em Hong Kong, não teve tempo de ficar entediado nos últimos meses: ele esteve, entre outros lugares, nos Jogos Olímpicos de Inverno de Pyeongchang, com um sósia de Donald Trump.

Chegou a ser detido brevemente pela polícia sul-coreana quando começou a dançar, agitando a bandeira da Coreia unificada em frente à delegação de líderes de torcida norte-coreanas.

Nesta ocasião, foi contratado por um hotel de Singapura junto com o falso Trump para ter a exclusividade durante a falsa cúpula.

Seu objetivo, segundo explicou à AFP, é induzir as pessoas através da sátira para falar de política. Mas ele reconhece que sua irreverência preocupa um pouco sua família.

"A primeira coisa que me disseram foi: 'espero não te matem'", diz ele, afirmando que sua mãe contratou um seguro de vida para ele.

Howard, nascido em Hong Kong e criado na Austrália, leva o mimetismo ao limite, mantendo a incerteza sobre sua idade, assim como seu modelo.

Inicialmente ele era músico, mas começou a imitar o líder norte-coreano a partir de 2012 e esta é agora sua principal atividade.

Antes de cada apresentação, aplica maquiagem e depila as sobrancelhas. Mas o mais difícil de tudo é fazer o penteado "estilo Kim".

"Pode-se dizer que tive sorte com esse rosto", disse ele à AFP. "Kim Jong Un é presidente vitalício, ao contrário de um presidente dos Estados Unidos ou de um primeiro-ministro. Tenho uma longa e frutífera carreira pela frente".

Atualmente, ele ganha a vida apenas com imitações, atuando em shows, filmes e propagandas.

Mas ele desaprova o autoritarismo de Kim: "Organiza um controle total de sua população, de corpo e alma".

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade