Publicidade

Estado de Minas

Irã informa ONU sobre aumento na capacidade de enriquecimento nuclear


postado em 05/06/2018 17:00

Teerã, 05 - O Irã informou à Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA), vinculada à Organização das Nações Unidas (ONU) que aumentou sua capacidade de enriquecimento de urânio dentro dos limites estabelecidos pelo acordo nuclear de 2015 com as potências mundiais. Os passos anunciados nesta terça-feira têm como objetivo sinalizar que Teerã poderá retomar o avanço em direção ao enriquecimento de urânio em escala industrial caso o acordo nuclear acabe.

O porta-voz da agência nuclear do Irã, Behrouz Kamalvandi, disse que uma carta foi enviada à AIEA detalhando a mudança. Ele afirmou que o país persa está "fornecendo infraestrutura e arranjos para alta velocidade e capacidade na produção de gases UF4 e UF6, bem como rotor de centrífugas". Centrifudadores convertem os gases em urânio enriquecido, o qual pode ser utilizado para combustível de reatores e isótopos médicos. Se enriquecido a níveis mais altos, o material pode ser usado para armas.

O chefe da agência nuclear iraniana, Ali Akbar Salehi, comentou que Teerã está preparando para retomar o trabalho em centrífugas avançadas que aumentariam drasticamente sua capacidade de enriquecimento. No entanto, ele alertou que, até agora, o trabalho se limita a construir uma nova instalação para a montagem das centrífugas. Fonte: Associated Press.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade