Publicidade

Estado de Minas

Opositor russo Navalny é condenado a 30 dias de prisão por manifestação proibida


postado em 15/05/2018 11:30

O principal opositor ao governo russo, Alexei Navalny, foi condenado nesta terça-feira a 30 dias de detenção por ter organizado uma manifestação não autorizada e dispersa dois dias antes da posse de Vladimir Putin.

Navalny "é culpado nos termos do Artigo 20.2 (sobre a organização de manifestações não autorizadas) e condenado a 30 dias de detenção administrativa", declarou o juiz Dmitry Gordeyev.

O opositor deve agora ser julgado por outro delito, por desobedecer as forças de ordem.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade