Publicidade

Estado de Minas

Ex-presidente de seguradora chinesa Anbang condenado a 18 meses


postado em 10/05/2018 00:00

Wu Xiaohui, ex-presidente da seguradora chinesa Anbang, foi condenado nesta quinta-feira a 18 meses de prisão por fraude, informou a agência de notícias Xinhua.

A justiça declarou Wu culpado do desvio de mais de 8 bilhões de euros durante sua gestão da Anbang, terceira seguradora chinesa sob a intervenção do Estado.

Fundada em 2004, a Anbang passou em poucos anos de uma companhia de seguros de residências e veículos a um gigante financeiro internacional, comprando inclusive o mítico hotel Waldorf de Nova York, em 2014, por 1,95 bilhão de dólares.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade