Publicidade

Estado de Minas

Presidente do Equador confirma o assassinato dos jornalistas sequestrados


postado em 13/04/2018 15:00

O presidente do Equador, Lenín Moreno, confirmou nesta sexta-feira o assassinato em cativeiro dos dois jornalistas e o motorista do jornal El Comercio, que foram sequestrados em 26 de março na fronteira com a Colômbia.

"Lamentavelmente temos a informação que confirma o assassinato de nossos compatriotas", expressou o governante em uma declaração ante a imprensa.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade