Publicidade

Estado de Minas

Trump critica ex-diretor do FBI após livro revelar pressão sobre caso Rússia


postado em 13/04/2018 10:06

São Paulo, 13 - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, esbravejou contra o ex-diretor do Escritório de Investigação Federal (FBI, na sigla em inglês), James Comey, nesta sexta-feira em sua conta no Twitter, chamando-o de mentiroso e dizendo que foi uma honra demiti-lo.

O ataque é motivado pelo novo livro de Comey, no qual ele relata que Trump tentou pressioná-lo em relação à investigação sobre a interferência da Rússia nas eleições presidenciais.

"Ele vazou informações sigilosas, pelas quais ele deveria ser processado. Ele mentiu ao Congresso sob juramento. É um fraco e um mentiroso e que foi, como o tempo provou, um péssimo diretor do FBI", escreveu Trump.

Comey foi demitido por Trump em maio do ano passado. Na carta de demissão, Trump disse que o ex-diretor não era capaz de comandar o FBI. Ele foi substituído interinamente por Andrew McCabe e, depois, por Christopher A. Wray. (Flavia Alemi - flavia.alemi@estadao.com)

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade