Publicidade

Estado de Minas

Morre aos 78 anos o Nobel de Física Peter Gruenberg


postado em 09/04/2018 13:24

O físico alemão Peter Gruenberg, prêmio Nobel de Física com um cientista francês em 2007 por seu trabalho que revolucionou o armazenamento de dados digitais, morreu na semana passada aos 78 anos, anunciou seu centro de pesquisa nesta segunda-feira.

"Sem exagerar, pode-se dizer que Peter Gruenberg e sua descoberta da magnetorresistência gigante mudaram nossas vidas", indicou o centro de pesquisa Juelich, perto de Colônia, em um comunicado.

"Sem isso, os computadores modernos e os telefones celulares, como os conhecemos, seriam impensáveis", acrescentou.

Gruenberg recebeu o prêmio Nobel de Física em 2007 junto com o cientista francês Albert Fert, após ambos terem descoberto separadamente a chamada magnetorresistência gigante (GMR), que permitiu o desenvolvimento de discos rígidos de vários gigabytes.

Seu trabalho estabeleceu as bases para o desenvolvimento da spintrônica, uma tecnologia que é aplicada de fitas de vídeo até os MP3, passando por discos rígidos, de acordo com o centro de pesquisa.

Gruenberg também recebeu o prêmio de inventor do ano da Comissão Europeia em 2007, assim como outros prêmios na Alemanha, Israel, Japão e Turquia.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade