Publicidade

Estado de Minas

Negociação do Nafta não tem avanço esperado


postado em 05/03/2018 19:18

O representante comercial dos Estados Unidos, Robert Lighthizer, disse nesta segunda-feira que não alcançou o progresso esperado nas negociações com México e Canadá para renovar o Tratado de Livre-Comércio da América do Norte (Nafta), ao fim da sétima rodada de diálogos na Cidade do México.

"Não alcançamos o progresso que esperávamos... Apenas fechamos seis capítulos" dos 30 que pretendíamos concluir nesta rodada, disse Lighthizer em entrevista conjunta com os ministros de México e Canadá, entre renovadas pressões do presidente Donald Trump para alcançar um novo acordo que seja "justo" para Washington.

Temos grandes déficits com México e Canadá. O Nafta, que atualmente está em renegociação, foi um acordo ruim para os Estados Unidos, com grande deslocamento de empresas e empregos. As tarifas ao aço e ao alumínio serão retiradas unicamente se um novo acordo for assinado", escreveu Trump em sua conta no Twitter.

Lighthizer insistiu na necessidade de atualizar e modernizar o acordo, vigente desde 1994, embora tenha reconhecido que é um esforço "muito complexo" e que ainda corre contra o tempo, devido aos processos eleitorais que acontecem neste ano nos três países.

"Preferiríamos um acordo entre as três partes, mas se isso for impossível, estamos preparados para avançar de forma bilateral", alertou o americano.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade