Publicidade

Estado de Minas

Líderes do Senado dos EUA alcançam acordo orçamentário de dois anos


postado em 07/02/2018 16:42

Os líderes da maioria republicana e a oposição democrata do Senado dos Estados Unidos anunciaram na quarta-feira (7) terem chegado a um acordo que eleva os tetos orçamentários para 2018 e 2019, uma medida que, se for aprovada pelo Congresso, evitará uma iminente crise fiscal.

"Tenho o prazer de anunciar que alcançamos um acordo de dois anos para elevar os tetos de gastos para Defesa e as prioridades domésticas urgentes muito acima dos níveis atuais de despesas", disse o líder da minoria democrata no Senado, Chuck Schumer, no plenário da Câmara alta.

Seu contraparte republicano, Mitch McConnell, disse que o acordo, que ainda deve ser aprovado no Senado e na Câmara de Representantes, antes de ser assinado pelo presidente Donald Trump, "é produto de extensas negociações entre os líderes do Congresso e a Casa Branca".

Os legisladores têm até a meia-noite local de quinta-feira (03H00 de sexta-feira, horário de Brasília) para aprovar uma medida orçamentária e enviá-la ao presidente para sua assinatura, ou se arriscar a uma paralisação do governo federal por falta de recursos, como já aconteceu durante três dias no fim de janeiro.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade