Publicidade

Estado de Minas

Atletas olímpicos norte-coreanos e iranianos não recebem brinde por sanções da ONU


postado em 07/02/2018 07:15

Os atletas norte-coreanos e iranianos que participam dos Jogos Olímpicos de Inverno de Pyeongchang ficaram sem o telefone celular que a Samsung oferece de brinde aos esportistas, uma consequência das sanções da ONU contra os dois países, anunciou o comitê organizador.

"Os norte-coreanos e iranianos não têm direito ao presente devido às sanções da ONU", disse à AFP um porta-voz do Comitê Organizador dos Jogos de Inverno.

Os telefones, uma "edição olímpica" especial, com valor de 920 dólares, podem ser classificados na categoria de mercadorias de luxo proibidas pela ONU, explicou a fonte.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade