Publicidade

Estado de Minas

Conselho da ONU vai se reunir na sexta para tratar de míssil da Coreia do Norte


postado em 14/09/2017 23:37

São Paulo, 14 - O Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas vai se reunir a portas fechadas nesta sexta-feira para tratar do mais recente lançamento do míssil da Coreia do Norte contra o Japão. O encontro está marcado para as 16 horas (de Brasília).

O lançamento do míssil balístico ocorreu por volta das 19h de quinta-feira (de Brasília, 7h da manhã de sexta-feira na hora local). O monitoramento do governo do Japão relatou que o projétil foi lançado a partir do Aeroporto de Sunan, em Pyongyang. O artefato cruzou o céu da ilha japonesa de Hokkaido e caiu no Oceano Pacífico. Não houve feridos nem danos em terra.

Na segunda-feira, o Conselho de Segurança da ONU já havia se reunido e acertado novas sanções contra Pyongyang. As restrições incluem a redução da quantidade de petróleo que pode ser importada de forma legal pela Coreia do Norte, a proibição de exportações têxteis e o fim da permissão para trabalhadores norte-coreanos emigrarem.

As sanções aplicadas no início da semana foram mais brandas do que o esperado pelo governo dos Estados Unidos, que cedeu na última hora à pressão da China e da Rússia.

Mais cedo, o secretário de Estado americano, Rex Rillerson, condenou o novo lançamento de míssil e cobrou ações efetivas de Pequim e Moscou contra Pyongyang. "A China e a Rússia têm de demonstrar as intolerâncias delas contra este lançamento temerário tomando ações diretas próprias", disse o chefe da diplomacia dos Estados Unidos. (com Associated Press)

(Mateus Fagundes)

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade