Publicidade

Estado de Minas

Juncker diz que não espera um 'Brexit duro'


postado em 14/09/2017 14:10

O presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, garantiu, nesta quinta-feira (14), não esperar um "Brexit duro", ou seja, uma saída do Reino Unido da União Europeia sem ter estabelecido previamente a futura relação comercial entre os dois.

"Minha hipótese de trabalho é que vai haver acordo", declarou em uma sessão de perguntas e respostas com jovens "youtubers" na emissora de televisão Euronews.

"Não quero me imaginar em uma situação na qual a Grã-Bretanha deixe (a UE) assim, dizendo simplesmente 'Goodbye', sem que se produza um acordo sobre o futuro. Não me inscrevo no que se denomina um 'Brexit duro'", acrescentou.

O líder do Executivo europeu negou que quisesse "ameaçar" Londres quando declarou, na quarta-feira, dirigindo-se aos deputados britânicos contrários à UE: "vocês também vão lamentar isso".

"Eu não queria punir, sancionar, fazer o Reino Unido sofrer", garantiu Juncker, que declarou aos jovens: "Eu gosto demais dos ingleses".

As negociações para a saída do Reino Unido da UE devem durar, a princípio, até 29 de março de 2019.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade