Publicidade

Estado de Minas

Empresas da UE pedem à China fim do embargo a queijos europeus


postado em 11/09/2017 13:31

A Câmara de Comércio da União Europeia na China pediu a Pequim, nesta quinta-feira (11), que reconsidere sua decisão de suspender a importação de alguns tipos de queijo.

"Durante décadas, o queijo europeu foi importado pela China sem qualquer problema sanitário", afirmou a Câmara, em um comunicado.

Nas últimas semanas, a Alfândega chinesa começou a proibir a entrada no país de alguns queijos cremosos, como Camembert, Brie, ou o Roquefort franceses.

Segundo a Câmara, as empresas europeias já estão fazendo esforços para revisar as normas de segurança alimentar.

"Há dois anos, estamos trabalhando com as autoridades competentes chinesas para revisar essas normas", indica o comunicado.

Ainda que nas últimas décadas o consumo de produtos lácteos tenha aumentado enormemente no gigante asiático, o queijo continua sendo um produto procurado, principalmente, pelos estrangeiros.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade