Publicidade

Estado de Minas

Agência estatal da Coreia do Norte faz ataques a embaixadora dos EUA na ONU


postado em 08/09/2017 22:31

São Paulo, 08 - A Coreia do Norte fez duras críticas à embaixadora dos Estados Unidos na Organização das Nações Unidas (ONU), Nikki Haley, após os comentários da diplomata após o mais recente teste nuclear realizado por Pyongyang. De acordo com a agência de notícias estatal KCNA, a fala de Haley de que o regime de Kim Jong-un está "implorando por guerra" é "apenas uma revelação do propósito mal intencionado de adotar com facilidade uma nova resolução de sanções mais dura, descrevendo a Coreia do Norte como uma 'provocadora de guerra'".

Utilizando palavras de baixo calão para se referir a Haley, a KCNA diz que a embaixadora americana é uma política e diplomata inexperiente, o que pode ser comprovado pelos "termos vulgares" utilizados em março em relação ao lançamento de um míssil balístico pelo regime de Kim Jong-un. "Ela se tornou uma fonte de riso do mundo público por sua imprudente ignorância, desprovida de qualquer concepção elementar de razão. Parece que ela ignora o desastre que causa com sua estupidez."

No comentário, a agência norte-coreana diz, ainda, que a situação dos EUA é "miserável" pelo país ser representado na ONU por uma "mulher novata política" como Haley. A KCNA contestou a fala de Haley de que os EUA queriam a paz mesmo tendo ressaltado que a paciência de Washington havia acabado. "Na verdade, os pesos pesados dos EUA se dedicam somente ao comércio de armas", afirmou a agência estatal norte-coreana.

A KCNA faz, ainda, um alerta, ao dizer que Haley "deve ter cuidado com a língua se a ela lhe falta capacidade de distinguir os assuntos do mundo". De acordo com a agência, o governo do presidente dos EUA, Donald Trump, terá que pagar o preço das bobagens ditas por sua embaixadora na ONU.

(Victor Rezende)

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade